segunda-feira, 28 de março de 2011

TUDO É NATURALMENTE NATURAL


Perguntaram ao sábio iluminado Ramesh Balsekar, que ensinava Advaita Vedanta, se as práticas espirituais eram importantes. Ele respondeu:

"Durante 20 anos fiz práticas com um guru que também era advaita, mas dava práticas tradicionais e ensinava de modo a aliviar todo tipo de sofrimento. (...)Depois que me aposentei, li um artigo sobre Nisargadatta Maharaj escrito por Jean Dunn no the Mountain Path. Quando subi as escadas para o sobrado de oara encontrar meu guru Maharaj pela primeira vez, As primeiras palavras de Nisargadatta foram: “Até que enfim você veio, não foi? Venha e sente-se.” Portanto, se alguém tem o dom da cura, por que não? O dom da astrologia, da psicoterapia, por que não? Eu não perdi vinte anos antes de encontrar Maharaj. Tudo é uma preparação para a próxima cena. Então, se alguma força misteriosa dirige você para alguma prática, eu aconselho você a não se afastar dela ou a não abandoná-la. Aceite-a, tente-a. Se posteriormente essas práticas espirituais ficarem pelo caminho, deixe-as. E se acontecer, minha única sugestão é, não sinta-se culpado por isso. É um acontecimento sobre o qual você não tem controle."

Nenhum comentário: