segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

AMANDO OU ODIANDO A SI MESMO!


A maior obra de arte? Você.

Porque?

Que obra poderia ser vista sem o observador (consciencia)?

E quem disse que você está separado da obra? (a mente)
Você acredita na mente? (e este é o único obstáculo)
Se não há separação, então só há você em todos os lugares possíveis e imagináveis.
Então: no seu namorado(a), amante, trabalho, amigo(a), há a possibilidade de você AMAR A SI MESMO.

Em tempo: NÃO EXISTE NENHUM AMOR A NÃO SER O AMOR DO SER. O AMOR DE SI MESMO. Você está sempre amando (na mente, odiando) a SI MESMO.



Sambodh Naseeb

Nenhum comentário: