terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

OS GANSOS GRATOS



Nenhum rótulo permanece na real meditação...nem unidade...nem não dualidade...nem dualidade...nem vazio...nem luz...nem divindade...e ao mesmo tempo tudo isso se apresenta em pura vacuidade.

A mente, infelizmente, sempre fará de tudo para acreditar ou negar.
São pólos complementares. Um não existe sem o outro. Mente e não-mente.
Acreditar ou negar.
Sempre aparecerão sob mil disfarces.
Nenhum rótulo a permanecer.
Tudo é visto como nossas deliciosas ficções.
Criamos tudo isso agora.
Nada diz que isto é real.
Nada diz que isto não é real.
Simples como o som dos gansos.
Nenhum conceito, agrada os gansos.

Sambodh Naseeb

Nenhum comentário: